Cientista de Dados: o que faz e como se tornar um profissional?

O cientista de dados também deve entender os detalhes específicos do negócio, como fabricação de automóveis, e-commerce ou saúde. O volume crescente de fontes de dados e, consequentemente, de dados, tornou a ciência de dados um dos campos de crescimento mais rápido em todos os setores. Como resultado, não é surpresa que o papel do cientista de dados tenha sido apelidado de “o trabalho mais sexy do século XXI” pela Harvard Business Review (link fora de ibm.com). As organizações estão cada vez mais dependentes deles para interpretar dados e fornecer recomendações acionáveis para melhorar os resultados dos negócios.

Como está o mercado de vagas para Cientistas de Dados?

Depois de obter acesso, a equipe de ciência de dados pode analisar os dados usando ferramentas diferentes e possivelmente incompatíveis. Por exemplo, um cientista pode desenvolver um modelo usando a linguagem R, mas o aplicativo em que será usado é escrito em uma linguagem diferente. É por isso que pode levar semanas, ou mesmo meses, para implementar os modelos em aplicativos úteis. Business intelligence (BI) é tipicamente um termo guarda-chuva para a tecnologia que possibilita a preparação de dados, mineração de dados, gerenciamento de dados e visualização de dados.

ciência de dados o que faz

Propaganda digital[editar editar código-fonte]

Embora haja uma sobreposição entre ciência de dados e análise de negócios, a principal diferença é o uso da tecnologia em cada área. Os cientistas de dados trabalham mais de perto com a tecnologia de dados do que os Como a ciência de dados e o aprendizado de máquina estão revolucionando o mundo dos negócios analistas de negócios. Eles definem casos de negócios, coletam informações das partes interessadas ou validam soluções. Os cientistas de dados, por outro lado, usam a tecnologia para trabalhar com dados de negócios.

O que é Data Science? O que faz um profissional da área? [Guia completo]

ciência de dados o que faz

Uma pessoa cientista de dados é, sobretudo, uma pessoa com o poder de gerar mudanças significativas em seu contexto. Em caso de trabalhar em uma empresa, por exemplo, suas análises podem conduzir à otimização da receita, à eliminação de erros e a contribuições que ajudam na sustentabilidade do negócio. Com isso, o buzz em torno da área de Data Science cresce e profissionais que buscam uma transição passam a se interessar pelas carreiras em dados.

Cientistas de dados precisam saber exatamente onde querem chegar e, para isso, devem conhecer as limitações e as dores existentes. A partir do entendimento do cenário, é possível traçar as abordagens e estratégias específicas para solucionar aqueles https://www.florestanoticias.com/2024/05/07/como-a-ciencia-de-dados-e-o-aprendizado-de-maquina-estao-revolucionando-o-mundo-dos-negocios/ problemas. O curso de graduação mais comum entre os cientistas de dados é o de Ciências da Computação, mas essa não é uma regra. Você pode se tornar um cientista de dados e trilhar uma carreira de sucesso nessa área que só tende a crescer.

É quem identifica padrões e interpreta dados de um mercado para gerar ideias com algum valor comercial para os gestores de uma empresa. Além disso, essa documentação serve como base para a tomada de decisão estratégica da gestão e da equipe. De uma informação somada a outra informação, surge uma terceira que possibilita encontrar a melhor correção para determinada situação.

  • Eles podem escrever programas, aplicar técnicas de machine learning para criar modelos e desenvolver novos algoritmos.
  • Ao tratar os dados, a pessoa cientista de dados saberá quais perguntas deve enfatizar e conseguirá perder menos tempo.
  • Os cientistas de dados obtêm uma compreensão inicial dos dados usando estatísticas descritivas e ferramentas de visualização de dados.

Leave a Comment